Pages

quarta-feira, 13 de maio de 2009

A Conspiração dos Garda-Chuvas!

Uma coisa que me deixou um tanto curiosa ,foi o que eu escutei indo para o serviço no pretinho basico.Sobre a conspiração dos garda-chuvas.
De onde eles surgem?,como eles aparecem e desaparece do nada?Quando perdemos um garda-chuva pra onde ele vai?porque ninguen acha um garda-chuva ,mais sempre perdemos?pricipalmete quando estamos no centro e caia a quela tonba da agua eles aparecem do nada e tambem some do nada.São algumas das perguntas que me deixarão curiosa naquele momento(achei emgraçado e asustador)mais chemgamos a uma conclusão EXISTE UMA CONPIRAÇAÕ DOS GARDA-CHUVAS!!!!(musica de suspense).Então sai a procura de informação sobre esses seresa que estão conspirando contra nós!

1°-Qual a origem do guarda-chuva?
Os mais antigos que se conhecem foram da Mesopotâmia, há 3400 anos.
Na mesopotâmia, região do atual Iraque, há 3400 anos já existiam artefatos destinados a proteger a cabeça dos reis - contra o sol, não contra a chuva, uma raridade naquele lugar. Assim como os abanos, eram feitos de folhas de palmeiras, plumas e papiro.. No Egito, adquiriram significado religioso e na Grécia e em Roma eram tidos como artigo exclusivamente feminino. Só no século XVIII a obstinação do comerciante inglês Jonas Hanway, um apaixonado por guarda-chuvas (versão inglesa do guarda-sol tropical), conseguiria torná-los dignos também de um gentleman. Embora ridicularizado em vida, após a sua morte, em 1786, os ingleses aceitaram sair à rua munido do acessório nos sempre freqüentes dias de chuvas do país.

-O guarda-chuva surgiu no Antigo Egito e era utilizado tanto pela família real quanto pelos nobres como símbolo da posição que ocupavam na hierarquia teocrática. Hoje todo mundo usa, do cidadão mais abastado ao paupérrimo. “Mas quem usa mais é o pobre, que não tem um meio de transporte próprio para fugiu das intempéries do tempo”, acrescentou o historiador Élcio Valentin, do Museu Histórico Nacional do Guarda-Chuva.
Projetado originariamente para cobrir um
homem de porte médio das chuvas, ele nunca esteve tão pequeno. Antigamente tinha de dois metros à dois metros e vinte de diâmetro e era feito com material resistente.
Os guarda-chuvas, ao contrário dos guarda-sóis, tendem a ser fabricados com materiais leves a fim de que possam ser facilmente transportados, mesmo quando abertos. O tecido protetor é atualmente feito de diversos materiais impermeáveis.




3 comentários:

Guilherme Mar disse...

Deozolivre, te mete com a guria, Tati também é curtura, parabéns guria. Pena que a origem de tudo isso foi o pretinho basico.

PS.: Puts, tu ouve pretinho básico, que decepção!

Rodrigo disse...

Essa é uma curiosidade que eu tinha. De onde vieram os guarda-chuvas.
Aqui em casa a conspiração é localizá-los... Mas vou comprar um, bem sofisticado, e colocar discretamente plugado em eletricidade, que no primeiro "aiaiii!" que eu ouvir, vou revelar esta conspiração!

hehe

continua assim guria!

um abração!

Andressa Tatielle disse...

http://objetoguardachuva.wordpress.com/

 

Copyright © Tatieli Ramos. Template created by Volverene from Templates Block
WP by WP Themes Master | Price of Silver